31 julho 2013

Entre Aspas: "Do Lado de Cá do Fim da História"

∞ | via Facebook
www
Acho que terminar um namoro deve ser uma das coisas mais complicadas e difíceis do mundo, não é? Principalmente quando é você que dá o fora :x
Enfim, estava no Depois dos Quinze, meu blog favorito ever ♥ e achei esse texto muito lindinho, da Karine Rosa, e me identifiquei tanto, achei tão singelo, que tive que trazer aqui para vocês. Adoro esses textos que resumem o que a gente está sentindo <3 Lá vai:

"Essa sou eu sentindo um murro no estômago por ter que dizer adeus. Também não é fácil ter que puxar a linha e deixar os nós se desatarem, como acontece no fim de qualquer romance. Eu do lado de cá, ele do lado de lá. Mil histórias no meio de uma história que poderia ter acontecido, mas não aconteceu.
Não, não é fácil pular fora do barco e se aventurar em um mar frio. Mas, de vez em quando, é preciso saber o momento certo de nadar para longe de um desastre iminente. Quantas pessoas não perderam o timing e ficaram no Titanic até que fosse tarde demais? A vida avisa uma vez só: não se mate em um relacionamento que não te faça viver. Mas então, enquanto eu tento pensar na melhor forma de dizer “até”, ele me olha como se eu fosse a única mulher no mundo. E eu tenho de dizer aquele velho clichê: não, não é você.
Não é ele. Ainda que eu tenha tentado, me esforçado e feito das tripas coração. Ainda que eu tenha insistido, enquanto meu peito dizia, em alto e bom som: não, não é ele. Eu tentei – e esse, talvez, tenha sido o meu maior erro: ter tentado mesmo sabendo que não vingaria. Eu tentei, mesmo me sufocando em um amor que não era meu, mas que eu queria muito que fosse. Eu tentei por pura e simples vontade de retribuir um sentimento que era tão bonito.
Só que, uma hora, até a gente, insistente, precisa parar. Continuar no erro seria uma forma de vê-lo feliz por mais alguns minutos, mas também uma forma de nos levar a um precipício inevitável. No fim, ele acabaria sofrendo de qualquer maneira, porque eu errei foi no começo. Eu achei que poderia ter um final feliz, mas desde o início já havia apenas um final.
Talvez ele me odeie, no fim das contas. Talvez eu fique marcada em sua vida como aquela que sequer deveria ter entrado em seu caminho, para começar. Me dói, mas tudo bem. A gente precisa de um culpado para qualquer fim. Assumo a bronca, pego para mim a responsabilidade. Do lado de cá do fim da história, admito sem medo de julgamentos: eu errei. E que atire a primeira pedra quem nunca deixou de acertar. Acontece que, às vezes, apenas não é. Dessa vez, pelo menos, não era."
Gostaram?
Já levaram um fora/deram um fora?
Beijão, meus amores! ♥
P.s.: Já estou fazendo o upload do próximo vídeo do canal! ^^

29 comentários:

  1. Mais que blog mais liiindo! Ele é muito perfeito princesa! Eu amei o post e dei uma procurada pelo blog e vi que os post são MUIIIIITO BONS MESMO! Párabéns pelo blog se você continuar assim vai ser uma blogueira se super sucesso! BEIJOOOOOOOOOO

    Segue meu bloguinho pff --> http://saborosocupcake.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Realmente muito bonito, bom estou numa boa no meu relacionamento e por mim pretendo não sair dele u-u nunca mais :3
    Vickie voltei a postar no Conectada, fazia algum tempo que tinha trocado o blog por um jogo on-line, mas agora voltei com força total ^^
    Tem post novo lá no blog se quiser dar uma olhada ;D
    blog-conectada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Tipo, eu passei pela M.E.S.M.A coisa! Amei o texto. Enfim, ele era meu melhor amigo, mas aí fiquei sabendo que ele gostava de mim, aí eu achei que gostava dele também, só que depois eu percebi que não era isso, ou eu confundi, ou era coisa do momento, slá. Aí além de eu magoar ele, ele parou de falar comigo .-. Mas eu, nem ninguém tem culpa quando coisas assim acontecem, porquê a gente não manda nos nossos sentimentos. Eu preferi acabar com isso logo, pq ele poderia achar alguém que REALMENTE gostava dele, e odeio mentir o que eu sinto, então me livrei logo desse peso, mas no fim, perdi um amigo, mas fazer o que né? Também era de se esperar... Amei o textinho, super-fofo!

    Beijãoãoão, Gabi ♥
    Official-wonderland.blogspot.com | Fan Page

    ResponderExcluir
  4. Nossa! Como sempre, as blogueiras do Depois dos Quinze... E seus textos divos....
    Realmente o texto é uma fofura, até me encontrei aí.
    Beijos Kate
    http://propria-mente.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Sabe quando você se identifica COMPLETAMENTE com um texto? Então....

    Adorei.

    Beijos.

    http://morangocompimentas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. This! Esse texto disse tudo, é o texto perfeito! Será que alguém anda me observando? Hm... haha' Adorei mesmo o texto, na verdade, adorei seu blog inteiro! Já estou seguindo, vou tentar vir aqui sempre que der. :D

    -> Estou começando um blog agora, que por enquanto vai falar de Literatura-Música-Cinema! Dá uma passada lá e se der me segue? O primeiro post sai no dia 13 agora! Agradeço desde já!
    http://umlivroporestacao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Texto perfeito, amei! Adorei seu blog tem tudo que preciso aqui. Já to seguindo vou tentar vir aqui sempre :)
    - Comecei meu blog agora, se poder da uma visita lá :
    http://dicasdagibs.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Vickie, que lindo esse texto!!!
    Então, cadê você?
    Beijoos!


    @vihorcrux

    ResponderExcluir
  9. Eu não passei por isso porque sou nova, digamos. Mas gostei muito do texto e posso enxergar muitas pessoas dentro dele. Vickie, você terminou com o Ric? Porque do jeito que está falando fiquei até com medo agora :o

    ResponderExcluir
  10. Ah, adorei sério, amei o texto. Na verdade, amei todo o blog, fui passando as postagens, passando, mt bom... Ganhou mais uma seguidora, uhu! Bejocas http://derivandoo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito do que vi !
    Muito difícil encontrar espaços bacanas como este :_)

    Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada,

    http://bolgdoano.blogspot.com.br/

    Agradeço desde já !

    ResponderExcluir
  12. amei o texto, me identifiquei muito ! seguindo (:

    se puder me seguir, http://adolescentes-atualizadas.blogspot.com.br/
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir
  14. Bom, não tenho como contar aqui minhas experiências com "foras" porque nunca namorei, então... Mas imagino que seja difícil, tanto pra um, quanto pra outro. Bem, eu não sei. >3<
    Adorei o texto. Lindo lindo. *-*

    Compulsiva.

    ResponderExcluir
  15. Hey, tudo bem? Achei muito lindo este post.Adorei visitar seu blog, que tal você visitar o meu? Fico muito agradecida seguindo segue de volta?

    www.stitched-office.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Poxa, que blog mais perfeito. Não sei como fiquei tanto tempo sem conhecer, acompanhava o blog faz tempo, porém nunca tinha visto o blog.
    Você é uma fofa, seu jeitinho meigo e a forma que você se expressa me conquistou total hahah.
    A propósito, que texto mais lindo, essa é uma situação bem difícil mesmo!
    Seguindo, claro. Dá uma passadinha no meu blog e se gostar é só seguir.
    Beijo,
    http://umviciadoemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Apesar de nunca ter passado com isso, minha melhor amiga passou. Não foi nada fácil consola-la depois, pois apesar de esse término ser bom para a pessoa, ninguém gosta de ter alguém te odiando profundamente ou algo do tipo.

    http://bittersweetexplosion.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Victoria, eu gostaria de pedir para você leitora do Coff Emília que por favor, votasse e colocasse a sua opinião, para me ajudar a resolver o futuro do blog.
    Muito obrigada, um feliz 2014.

    (neste post aqui: http://coffemilia.blogspot.com.br/2013/12/vamos-decidir.html)

    ResponderExcluir
  19. Ameeeei o texto, resume muita coisa sobre mim também, haha. Quanto tempo eu não venho aqui, flor. Mas voltei :)
    Beijos, Geração de Fé

    ResponderExcluir
  20. Nossa, que texto perfeito *-* eu amo os textos do blog "Depois dos quinze" sempre me identifico com a maioria *-*
    Beijos amor ♥



    Estilo Indefinido

    ResponderExcluir
  21. Oiii, adoreiii e tenho algumas experiencias desse tipo... Aproveitando... vc troca parceria?????

    ResponderExcluir
  22. Deve ser realmente muito difícil para os dois lados. Tanto quanto para o que dá o fora porque, por mais que não tenha sido o relacionamento correto desde o início a pessoa já está envolvida e perder, mesmo que não tenha sido o certo, é muito difícil.
    O texto está lindo, a Karine escreveu muito bem *u*
    Oh, eu não acredito que você também é tributo o/\o
    Beijos <33
    http://shake-de-morango.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Deve ser mesmo difícil abandonar o barco,mas é bem pior pra quem fica.

    ResponderExcluir
  24. Amei, entrou para minha elite de afiliados^^

    ResponderExcluir
  25. Olá, amei seu blog. Achei lindo seu design! Seguindo aqui ah e gostei
    muito da sua postagem. Bem meu bog ta começando agora e queria que você
    me ajudasse avaliando e seguindo meu blog (se poder é claro!)
    #SORRY. Meu blog está mais desajeitado, mas tudo foi feito por mim e espero
    que goste!
    http://m-eninatravessa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Que lindo este texto! O meu blog preferido também é o da Buna <3

    O link do meu blog: http://umablogueiraindecisa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Vick, foi você mesma que arrumou o design do seu blog? É que eu estou começando hoje e queria umas dicas e o seu está lindo! Dá pra me ajudar?
    Aqui está o meu http://a-basedecafe.blogspot.com.br/ XD

    ResponderExcluir
  28. Uau! Lindo, adorei. Realmente, define o final de um namoro.
    E, convenhamos, mais triste do que o final de um relacionamento, é ver duas pessoas ficarem juntas apenas pela inércia. Se não é pra ser, que não seja. Um tem que "libertar" o outro.
    Já terminei namoro, já terminaram comigo, e hoje eu sou casada e feliz. Fico apenas imaginando em quais furadas eu teria entrado se não tivesse juntado coragem para sair de relacionamentos destrutivos. Não existe sensação melhor do que estar com a pessoa certa! <3
    No mais, faltou apenas citar o nome da autora desse texto maravilhoso.

    Beijos!!!

    ResponderExcluir